voltar para outros artigos

Mochileiros de todas as idades viajam pelo mundo

Embarque Nessa 14 de novembro de 2017

Na definição do primeiro blog de viagens do Brasil, o Mochila Brasil, mochileiros são viajantes independentes que organizam por si mesmos seus roteiros e buscam realizá-los da forma mais econômica possível, sempre priorizando vivenciar profundamente a experiência de viajar.

A origem da mochilagem é atribuída à maneira de viver da chamada Geração Beatnik, surgida nos Estados Unidos nas décadas de 1950 e 1960, formada por escritores e artistas que estimulavam as pessoas a caírem na estrada em busca de uma experimentação direta de realidades diferentes.

A Austrália tem sido um polo propagador desse tipo de turismo, pois mobiliza milhões de jovens a viajar sem se prenderem aos pacotes turísticos tradicionais.

Aqui, surge uma questão: essa prática é também possível às pessoas da terceira idade? A jornalista Claudia Severo de Almeida, responsável pelo Mochila Brasil, juntamente com o fotógrafo Silnei Andrade, afirmou ao Perfil Sistel que sim, e disponibilizou uma série de histórias inspiradoras.

Dentre elas, destaca-se a da professora aposentada norte-americana de 78 anos, Ethel MacDonald. Desde a aposentadoria em 2003, ela já percorreu 16.000 quilômetros de bicicleta. O período médio de suas viagens é de três a quatro semanas. Durante esse tempo, consegue hospedagem utilizando sites de cicloturistas e mochileiros, assim economiza e tem a oportunidade de conhecer, segundo ela, pessoas fantásticas e inspiradoras.

Atualmente, com 87 anos, Robert Mellin está conhecendo todo o sudeste asiático no sistema mochilão. Ele pratica a modalidade há 40 anos e, graças a esse estilo de turismo/vivência, já conheceu 60 países em vários continentes.

Edson Sorrentino, 58 anos, aproximando-se da terceira idade, pretende em 2018, com sua mochila nas costas, percorrer todo o litoral brasileiro gastando em média apenas R$ 50,00 por dia. Caminhando 10.000 km, pretende conhecer as belezas naturais e as riquezas culturais do Brasil litorâneo.

Para saber mais sobre o turismo mochileiro clique aqui.

Visite também a comunidade mochileiros.com.